fevereiro 20, 2024
Chicago 12, Melborne City, USA
WordPress

Blog no WordPress: Faça um checklist antes da publicação para garantir a qualidade do post

Quando você escreve um post para o seu blog no WordPress, é muito importante ter certeza de que você realmente o terminou e que ele atende a alguns critérios para ampliar a qualidade.

Ao verificar alguns aspectos, como a escrita correta e critérios de legibilidade, pode-se garantir mais sucesso e alcance aos materiais. 

Por esse motivo, é muito importante realizar uma revisão, tendo um checklist claro de critérios, antes de clicar no botão para publicar ou agendar um conteúdo.

Mais ainda, isso se torna mais relevante ao considerar um blog no WordPress empresarial, e por isso, é preciso conhecer ponto a ponto essas dicas para garantir um melhor entendimento e, mais importante, a conversão de leads em clientes pagantes a partir de um post de qualidade.

Quem usa e o que é WordPress? 

WordPress é um software web gratuito para construção de sites.

Como a principal ferramenta de publicação na web do mundo, o WordPress é usado para alimentar mais de 65 milhões de sites e permite que você crie e execute seu próprio site de divisória banheiro, caso seja sua área de atuação, de maneira fácil.

O WordPress foi desenvolvido em 2003 como um site e ferramenta de blog gratuito e de código aberto, sendo uma solução melhor e mais fácil de se usar do que qualquer outra até então.

Isso tornou o WordPress a ferramenta mais popular do mundo, usado para tudo, desde a criação de sites e blogs simples para pequenas empresas até sites poderosos e corporativos de grandes marcas, possibilitando a comunicação com clientes e ações de marketing mais efetivas.

Criação de conteúdo no WordPress seguindo SEO

Não há dúvida de que o WordPress é uma excelente plataforma para empresas e indivíduos. 

Com uma flexibilidade infinita, enorme comunidade, extenso mercado de plugins e posição bem estabelecida como líder de mercado em sistemas de gerenciamento de conteúdo, ele pode escalar e crescer em conjunto com uma empresa. 

Isso vale para quem administra um blog de uma empresa de limpeza, um site B2B (Business To Business) ou B2C (Business To Consumer), um portal de notícias ou canais de geração de leads. 

No entanto, quando se trata de SEO (Search Engine Optimization), ou seja, a otimização do motor de busca de um blog para WordPress, existem alguns elementos da plataforma que não vêm configurados imediatamente. 

Sem ter tempo para configurar isso, você pode descobrir que seu desempenho orgânico na pesquisa do Google sofre como resultado.

O que é SEO para blog no WordPress?

Os mecanismos de pesquisa provavelmente serão o principal impulsionador do tráfego para o seu blog. Direcionar os usuários para seu conteúdo organicamente por meio de termos ou consultas-chave de pesquisa. 

Blog SEO é a prática de otimizar o conteúdo de um blog, bem como os elementos técnicos para garantir que o conteúdo do blog possa ser entendido e lido pelos mecanismos de busca, além de proporcionar uma boa experiência aos visitantes.

Checklist de SEO do blog para WordPress

Antes de pensar em otimizações mais avançadas, é preciso fazer algumas verificações rápidas em algumas configurações básicas de SEO blog para WordPress, garantindo que ele esteja configurado corretamente. 

  1. Visibilidade do site

O WordPress tem uma opção chamada ‘visibilidade do mecanismo de pesquisa’ que, quando definida como ‘desencorajar os mecanismos de pesquisa de indexar este site’ fará exatamente isso. 

Vale lembrar que é preciso ter certeza de que isso está desativado, o que é algo que pode ser facilmente esquecido em novas construções de sites, por exemplo.

Só precisa navegar até a seção ‘leitura’ em configurações, onde é possível ver a caixa de seleção. Se estiver marcado, basta alterá-lo para que seu site possa ser visto na pesquisa, se ainda não estiver.

  1. Estrutura de links permanentes

URLs amigáveis ​​para SEO devem descrever a página de forma precisa e sucinta, com uma ou duas palavras-chave adicionadas para um pequeno impulso de otimização do motor de busca.

Para o benefício do usuário, os URLs também precisam ser bem formatados para dar aos mecanismos de pesquisa uma ideia melhor sobre o que é seu site e também sua estrutura. 

  1. Configuração de categorias e demais elementos

Quando os sites do WordPress utilizam uma seção de blog, é comum que categorias, tags, datas e arquivos baseados em autor apareçam na lista de páginas ativas do site. 

Essas páginas, na maioria das vezes, não são muito úteis para os mecanismos de pesquisa, pois tendem a duplicar o conteúdo em todo o site, levando em consideração que as plataformas de pesquisa preferem indexar conteúdo original de alta qualidade.

Se você tiver um pequeno número de páginas de tags em seu site ou, por exemplo, suas categorias são páginas de destino importantes por si só, isso não deve ser um problema. 

No entanto, se você usar centenas ou milhares de tags nas postagens do seu blog, e todas elas acabarem no índice do Google, isso pode não fornecer a melhor experiência para os mecanismos de pesquisa, ou mesmo para os visitantes que as encontrarem na pesquisa.

Em termos de páginas de autor, se você executar um único blog, o arquivo do autor será exatamente o mesmo que sua página inicial, também sendo visto como conteúdo duplicado.

Arquivos de data geralmente são um problema menor, caso o conteúdo for publicado com pouca frequência mas, se grandes volumes forem lançados regularmente, os problemas podem surgir de maneira semelhante a ter muitas tags.

Promover conteúdo de blog ajuda o SEO

Os blogs ajudam a aumentar a qualidade de SEO do seu site, fornecendo conteúdo escrito que é relevante e valioso para os usuários que procuram as respostas disponíveis. 

É importante notar que ter um blog em si não é um fator de classificação. No entanto, são cruciais para marcar alguns dos importantes fatores de classificação. 

Um blog que é constantemente atualizado com postagens de alta qualidade sobre esquadria de alumínio sob medida, por exemplo, a partir do momento em que agregam valor aos leitores, pode fazer uma grande diferença no desempenho geral do seu site. 

Os visitantes navegam em seu site por mais tempo ao fornecer conteúdo de formato longo, contendo insights difíceis de encontrar em outros lugares. Dessa forma, é muito mais provável que seus usuários permaneçam em sua página da web por mais tempo. 

Oferecer conteúdo valioso cria confiança com seu público, incentivando-os a compartilhar ou retornar para mais. 

Se seus visitantes permanecerem por mais tempo, a duração média da sessão ou o tempo de permanência serão estendidos, reduzindo as taxas de rejeição, aumentando as visitas, bem como o potencial de aumentar sua média de páginas por sessão. 

Todos são indicadores muito bons para o Google, demonstrando o fornecimento de informações confiáveis ​​e verdadeiras ​​para seus usuários.

Mantendo seu site atualizado

Ao atualizar regularmente o conteúdo do seu blog semanalmente, você não apenas fornece mais conteúdo excelente para seu público, mas também mostra aos mecanismos de pesquisa que você atualiza e mantém seu site de forma consistente. 

Embora não tenha sido confirmado que o conteúdo que demonstra frescor possa afetar as classificações, é preciso dizer que o Google sempre fornecerá conteúdo relevante e recente para os pesquisadores.

Segmentação de palavras-chave de cauda longa

Os blogs no WordPress oferecem uma grande oportunidade para as empresas segmentarem palavras-chave de cauda longa, consultas de pesquisa que geralmente são construídas com quatro palavras ou mais. 

Algumas dessas palavras-chave podem ser difíceis de incorporar em suas páginas usuais de produtos ou serviços, mas seus blogs permitem que você faça isso naturalmente. 

É provável que um tráfego mais qualificado chegue ao seu site por meio de palavras-chave de cauda longa, ainda mais quando os usuários estiverem realizando pesquisas ou buscando respostas para perguntas.

Vinculação de link building de qualidade

O Google usa links para rastrear a internet, aprendendo o tempo todo como sites e páginas online se conectam. 

Os links editoriais sobre porta de enrolar automática são um ótimo exemplo daqueles que podem ser obtidos naturalmente e indicam aos mecanismos de busca que seu conteúdo é confiável. 

Não há prática certa ou errada para isso, pois depende em grande parte de outros sites, sem qualquer garantia de que você os alcançará. 

No entanto, ao fornecer conteúdo de blog exclusivo ou um novo estudo, você terá uma chance muito maior de obter links editoriais.

Aplicação de imagens e textos alternativos

Os motores de busca, ao contrário dos humanos, não têm as maravilhas da visão. Use o texto alternativo da imagem para descrever o que está inserido junto ao conteúdo. 

As plataformas como Bing e Google usaram este texto como um sinal de relevância, e também melhora a experiência do usuário para aqueles que são deficientes visuais. 

Conclusão

Ao otimizar suas postagens ou páginas do blog para WordPress, analise todos os componentes que fazem parte de uma página ou postagem. Isso inclui:

  • Conteúdo;
  • Descrição; 
  • Elementos de mídia;
  • Estrutura de URL;
  • Título.

Além disso, lembre-se de também avaliar critérios de qualidade para o próprio conteúdo, como bom uso de palavras-chave, frases claras e concisas, alinhamento do material com o público-alvo e etapa do funil, dentre outros.

Isso porque são esses cuidados que permitirão atrair e reter o público-leitor a partir das plataformas de busca, fazendo-os se tornar clientes devido à credibilidade e relevância que você apresenta.

Uma vez que você tenha certeza de que acertou o SEO na página, você pode começar a pensar em como promover seu conteúdo com o objetivo de obter links de outros sites.

Faça alguma pesquisa e descubra quem tem mais probabilidade de se interessar pelo seu conteúdo e tente colocar suas páginas na frente da tela. Se você tiver um bom conteúdo, receberá mais links e tudo ficará mais fácil.

Leave feedback about this

  • Quality
  • Price
  • Service

PROS

+
Add Field

CONS

+
Add Field
Choose Image
Choose Video
X