julho 14, 2024
Chicago 12, Melborne City, USA
Uncategorized

Descubra como escolher a mamadeira certa para o seu bebê

A alimentação do bebê deve ser um dos pontos mais importantes para os pais. Por isso, a escolha da mamadeira é muito importante. Afinal, mesmo que seu filho receba o aleitamento materno exclusivo nos primeiros meses, a mamadeira vai acompanhá-lo depois desse período.

Com tantas opções no mercado, às vezes os pais podem ficar confusos, sem saber como escolher a mamadeira MAM ideal, a quantidade, os bicos e as funções. Se você quer saber como escolher bem esse item, neste artigo vamos ajudar você com dicas práticas. 

Quantas mamadeiras comprar e quantos bicos são preciso?

A resposta a essa pergunta depende da frequência de uso da mamadeira. Por exemplo, o bebê recém-nascido se alimenta de 10 a 14 vezes por dia. À medida que crescem, as mamadas se tornam menos frequentes. 

Se você for alimentar seu bebê exclusivamente com mamadeiras, é bom comprar de 4 a 6 mamadeiras e bicos. Se for ocasionalmente, poderá ter apenas uma mamadeira e um bico.

Qual o tamanho certo da mamadeira?

Você vai encontrar mamadeiras de diferentes capacidades, desde 30 ml até 240 ml. É importante escolher bem o tamanho para garantir uma boa alimentação do bebê. Se ela for muito grande e pesada, pode atrapalhar e causar engasgos. Por isso é preciso ter atenção.

Mamadeira pequena

Pode ter entre 30 e 70 ml e ser bem levinha, é ideal para a transição entre o peito e o restante da alimentação. Por ser leve, é ótima para servir leite, água e suco durante a introdução alimentar, de acordo com as orientações do pediatra.

Mamadeira média e grande

Possui entre 140 a 150 ml e pode ser usada para servir chá, água e suco para bebês que ainda estão se acostumando com outros alimentos. As maiores têm entre 250 a 300 ml e podem suportar alimentos mais consistentes, como mingau e vitaminas, além de outros líquidos, como leite e água. Mas, para usar esse tipo de mamadeira, o bebê precisa aprender a segurar sem derrubar.

Materiais da mamadeira

As mamadeiras de plástico são leves e não vão quebrar se caírem. Elas devem ser livres de bisfenol-A (BPA), proibido pela fiscalização da Anvisa, em 2012. Como elas acabam se deteriorando com o tempo, precisam ser substituídas periodicamente. Os sinais de deterioramento são:

  • arranhões;
  • rachadura;
  • vazamento;
  • mau cheiro.

As de vidro são naturalmente livres de bisfenol-A, e você não terá que se preocupar com isso, mas são opções mais caras, pesadas e quebram mais facilmente que as de plástico.

Mamadeiras anticólicas e antirrefluxo

Essas mamadeiras foram feitas para ajudar os bebês que sofrem com problemas de cólica e refluxo. As mamadeiras anticólica possuem um sistema de ar ou válvula no fundo fazendo com que pouco ar fique entre o bico enquanto o bebê está mamando.

Os modelos antirrefluxo contam com um mecanismo que evita que os bebês tenham gases e soluços após a amamentação, além de regular o fluxo de leite. Por isso, é sempre bom testar para saber qual será a melhor para o seu bebê.

Como escolher o bico?

De modo geral, os bicos são feitos de silicone ou látex. A diferença é que o látex tem maior flexibilidade e se desgasta mais rapidamente, além disso, alguns bebês são alérgicos a ele. 

O silicone é mais firme que o látex e dura mais. Fique atento aos bicos da mamadeira e substitua sempre que perceber os sinais de desgaste, que é quando ele fica afinando, pegajoso, descolorido, rasgado ou rachado. 

Independentemente do material, quando for escolher o bico, prefira aquele que é menor do que a largura da língua do bebê e com o comprimento mais longo para facilitar a pega e a sucção.

Em relação ao furo do bico, também é importante manter o tamanho original, que é pensado justamente para a idade do bebê e tem o tamanho certo para o fluxo de saída do líquido de acordo com o que o bebe pode engolir sem engasgar.

Leave feedback about this

  • Quality
  • Price
  • Service

PROS

+
Add Field

CONS

+
Add Field
Choose Image
Choose Video
X